Paraguaios desistem de auditar terra de brasiguaio

TWITTER
FACEBOOK
20-7-2012, IHU

O novo presidente do Paraguai, Federico Franco, decidiu "deixar sem efeito" uma auditoria judicial ordenada pelo governo anterior, do destituído Fernando Lugo, para comprovar a propriedade de amplas extensões de terra que incluíam áreas do maior produtor individual de soja do país, o "brasiguaio" Tranquilo Favero.

Ignacio Luis Ortigoza, novo titular do Indert, o equivalente do brasileiro Incra, disse que levar a cabo a medida provocaria um "caos jurídico-administrativo" e se tornaria impossível de cumprir.

Segundo Ortigoza, citado pela agência oficial IP, a decisão de desistir do cotejo foi tomada anteontem, por resolução presidencial.

A medição afetaria 257 mil hectares, dos quais 60 mil seriam de Favero, 74. As terras estão entre as reivindicadas por movimentos sem-terra paraguaios.

Original source: IHU
TWITTER
FACEBOOK
TWITTER
FACEBOOK

Post a comment

Name

Email address (optional - if you want a reply)

Comment